Neste site há censura pura e dura, para anti-touradas!!!
Data/Hora: domingo jan 21, 2018 4:56 am

Os Horários são TMG




Criar Novo Tópico Responder a este Tópico  [ 5 mensagens ] 
Autor Mensagem
 Assunto da Mensagem: 2010-09-02 Corrida Campo Pequeno
MensagemEnviado: segunda ago 30, 2010 4:02 pm 
Desligado
Aficionado

Registado: segunda ago 02, 2010 10:28 am
Mensagens: 7
Boa tarde Aficionados, a TVI vai transmitir mais uma grande corrida de toiros, com o cartel:
cavaleiros:
António Ribeiro Telles,
Diego ventura e
Francisco Palha que confirmará a Alternativa.
6 Bonitos toiros da ganadaria Maria Guiomar Costes Moura.
Forcados Amadores de
Vila Franca de Xira e
Coruche.


Topo
 Perfil  
 
MensagemEnviado: terça set 07, 2010 4:15 pm 
Desligado
Praticante

Registado: sexta mai 21, 2010 9:17 am
Mensagens: 11
Estive presente na corrida, e mais uma vez vim desiludido :cry: com os Toiros, uma vergonha....

Como é que toiros de 2007 (novilhos) apresentam uma média de 550Kg, estranho não?! não estou a duvidar do peso, questiono é como é que em 3 anos têm perto de 600Kg....

E mais triste é ver a pessoas na Praça do Campo Pequeno a n.º1, a ficarem contentes e felizes.... só mostra que não sabem ver corridas de toiros, vão porque é moda e fino....

A festa brava, cada vez está a ganhar mais adeptos mas não sabem apreciar nem ver uma corrida de toiros.


Topo
 Perfil  
 
MensagemEnviado: terça set 07, 2010 4:50 pm 
Desligado
Novilheiro

Registado: domingo set 27, 2009 1:53 pm
Mensagens: 75
Caro Pejo,
A Patrícia Sardinha, na sua crónica sobre a corrida, apelidou de "mais uma ninhada de gatos" o curro que lá foi lidado.
É de facto estranho que empresários portugueses, permitam que cavaleiros que vêm apelidados pela imprensa espanhola de 1ªs figuras, venham lidar novilhos e escolham os companheiros de cartel.
Um empresário "a sério", patriotismos à parte, diria: Queres cá vir, queres cá tourear, então vem, mas quem escolhe a ganadaria sou eu e vais enfrentar quem tem força para te vencer e se não quiseres não venhas e eu direi que não vieste.
Mas estes empresários são fraquinhos e nem sequer defendem o produto nacional. Preferem "babar-se" e fazer o favor a estas vedetas estrangeiras e montam um cenário virtual, muito aplaudido por um público também ele virtual, que vai aos touros como vai ao circo. que faz Chiuuuuu na altura das pegas, que bate palmas a compasso quando quer que o director dê música, que se ri quando algo acontece a um peão de brega, que se levanta dos lugares quando um cavalo morde no murrilho do touro ou faz outra qualquer vulgaridade mais do que mecanizada com tourinhas nhoc-nhoc e fica impávida quando um cavaleiro a sério dá toda a vantagem ao touro, cita de praça a praça, aguenta uma enormidade e crava ao estribo, porque não percebe a dificuldade de fazer isso, porque não sabe sequer o que é um cavalo, porque nunca ninguém lhe disse que aquilo é que é tourear a cavalo.
São estes empresários que em vez de chamarem os verdadeiros aficionados para espectáculos com toiros a sério e cavaleiros a sério, preferem montar estes espectáculos levezinhos e chamar-lhes corridas de touros e encher a praça de uns meninos que são colegas de faculdade dos forcados, de turistas e de uns tipos que são apoiantes desse tipo de toureio que também os há.
Também os jornalistas são muito responsáveis pelo estado a que isto chegou. Quer um exemplo?
O Alvarenga no seu bloguesito, publicou os cartazes da corrida de Montemor de 5 de Setembro por diversas vezes, mas após a corrida, nem uma linha dedicou à mesma. Isto quer dizer muita coisa.
Quer dizer que a este jornalista(?) não lhe interessa a boa tauromaquia, interessa-lha apenas uma espécie de tauromaquia. Não sei qual, mas da boa não gosta.


Topo
 Perfil  
 
MensagemEnviado: quarta set 08, 2010 8:32 am 
Desligado
Praticante

Registado: sexta mai 21, 2010 9:17 am
Mensagens: 11
Atenção, mas gosto de ver o Diego, mas com bons toiros, acho-o um bom equitador, com cavalos espectaculares, para mim o DESTINTO é um cavalo espectacular agora o MORANTE já chega de mordidelas.

E mais o Diego Ventura veio ganhar 60.000€ o António Telles 4.000€ e o Francisco Palha 1.500€.


Topo
 Perfil  
 
MensagemEnviado: quarta set 08, 2010 12:24 pm 
Desligado
Novilheiro

Registado: domingo set 27, 2009 1:53 pm
Mensagens: 75
Caro Pejo,
A palavra "gostar", é um dos termos linguísticos mais subjectivos que existem em qualquer língua ou dialecto. Passo a explicar: Sempre gostei da sopa de tomate que a minha mãe me fazia. Achava aquilo o melhor manjar. Mas um dia, andava eu a passear a cavalo perto de Alter do Chão, quando cheguei às margens da ribeira de Seda, que atravessava a herdade de um tio meu. Desmontei, tirei o arreio ao cavalo e preparei-me para o refrescar naquele pego sombreado por sobreiros centenários. O pobre animal, quando se sentiu puxado para a água, deu-me dois ou três puxões nas rédeas e fugiu. Fiquei ali, sozinho, a 5 km do Monte, com um selim para transportar às costas e sem um caminho para percorrer. à minha frente tinha 5km de terreno cravejado de giestas, que se por acaso não sabe, deixa uma goma nas calças e à medida que se vai avançando, mais penosa é a caminhada.

Chegado ao monte, por volta do meio dia e sob o sol de Agosto naquele Alentejo infernal, perguntei ao caseiro, um homem de oitenta e tal anos, pelo meu tio, ao que ele respondeu: menino, o seu tio pensou que tivesse ido para Alter e foi-se embora. Limpei o suor e sentei-me desalentado perto do poço. O idoso, vendo-me naquele estado lastimoso disse-me: Se quiser faço-lhe uma sopinha de tomate, é a única coisa que lhe posso dar.
Veio-me logo à ideia a panela negra onde o homem se propunha fazer-me a sopa de tomate e o talher e o prato onde a ia servir e senti um arrepio. Eu, um menino da cidade, habituado a comer em pratos extra brilhantes, com talheres areados pela criada Maria, ia comer de um prato e com uma colher de alumínio cheios de saburro?

A fome e o cansaço falaram mais alto, pedi-lhe que fizesse a sopa e que me desse o prato e a colher, que fui freneticamente lavar com a ajuda de alguma areia que por ali havia e que tinha sobrado de uma obra.
Quando o velhote apareceu com o caldeirão negro fumegante, já estava eu instalado na sombra de uma velha pérgula que suportava uma não menos velha parreira, que por entre as parras e gavinhas exibia formosos cachos de uvas, infelizmente ainda verdes e intragáveis. Nas minhas mãos, brilhantes, estavam o prato de alumínio e a colher.

Quando me despejou no prato o caldo quente, no qual nadavam orgulhosamente dois ovos, senti um perfume que mandava às urtigas a até então deliciosa sopa que a minha mãe fazia e eu adorava.
Apesar da fome, comi devagar, apreciando a cada colherada aquele sabor que eu não sabia que existia, mas que passados quase 45 anos mantenho gravado na minha memória.

Seria pela fome que sentia no momento? Seria pelas múltiplas camadas de comida que aquele caldeirão negro encerrava nas suas paredes nunca lavadas? Seria pelo cansaço?
Não sei, o que sei é que aquela sopa de tomate foi a melhor que comi até hoje.

Voltando ao assunto inicial, a novilhada no Campo Pequeno, eu só vou gostar do toureio do Ventura, se ele vier lidar Graves ou Veigas Teixeiras, com 4 ou 5 anos e tiver a alternar com ele, quem ele não quer.
Aí, se com essas condições, mostrar esse valor, então sim, dar-lhe-ei o valor que outros dizem que ele tem. Até lá... nem pensar.


Topo
 Perfil  
 
Mostrar mensagens anteriores:  Ordenar por  
Criar Novo Tópico Responder a este Tópico  [ 5 mensagens ] 

Os Horários são TMG


Quem está ligado:

Utilizador a ver este Fórum: Nenhum utilizador registado e 1 visitante


Criar Tópicos: Proibido
Responder Tópicos: Proibido
Editar Mensagens: Proibido
Apagar Mensagens: Proibido
Enviar anexos: Proibido

Pesquisar por:
Ir para:  
cron
Toureio Sol e Sombra Touro Bravo Cavalonet
Grupo Tauromáquico Sector 1 Taurodromo Touro e Ouro Naturales Tauromaquia
Desenvolvido por phpBB® Forum Software © phpBB Group
Traduzido por phpBB Portugal