Neste site há censura pura e dura, para anti-touradas!!!
Data/Hora: terça fev 20, 2018 9:20 pm

Os Horários são TMG




Criar Novo Tópico Responder a este Tópico  [ 4 mensagens ] 
Autor Mensagem
 Assunto da Mensagem: Banda de Música nas Corridas
MensagemEnviado: sexta ago 20, 2010 8:36 am 
Desligado
Praticante

Registado: quinta ago 12, 2010 11:11 am
Mensagens: 12
Localização: Loulé
Abro este tópico porque penso que ainda não se comentou no Fórum Touradas o papel das bandas de música nas corridas de touros.
- Concordam que nas praças desmontáveis se recorra a grupos reduzidos por uma questão de ganhar alguns lugares e até reduzir despesas?
- As praças de touros terão as condições necessárias para acomodar uma banda de música?
Tudo o que acharem que possamos aqui comentar em relação a este tópico será bem vindo.
Assisto neste momento a uma grande ignorância de algum público que desconhece que quem manda tocar a banda é o director de corrida e que tendo a lide do toureiro sido intragável resolvem pedir música à banda ofendendo por vezes os seus componentes.
Isto é estúpido mas acontece com bastante frequência nas praças de touros.
Aguardo os vossos comentários.
Farei mais alguns comentários sobre este assunto mas estando eu na posição de maestro de uma banda filarmónica não comentarei nem responderei a comentários sobre a qualidade das bandas de música que abrilhantam corridas de touros.
Um grande abraço de Loulé.
José Lúcio Branco, alentejano de Safara e aficionado.


Topo
 Perfil  
 
MensagemEnviado: sexta ago 20, 2010 10:55 am 
Desligado
Aficionado

Registado: quinta dez 03, 2009 7:51 pm
Mensagens: 6
Bem... coisa rara alguém vir falar das bandas.
Sou músico de uma banda já com muita experiência em tourada e já com alguns discos gravados de passo-dobles, bem como tenho reforçado várias bandas e tocado em várias praças por isso, penso que poderei dizer que falo do que sei e sinto.
É mau e ridículo nas desmontáveis utilizar os «cavalinhos» grupos reduzidos e sem coerência com a multiplicidade de timbres que caracterizam os passo-dobles actuais. Bem como é ridículo andar por aí a fazer touradas com grupelhos de fadistas...
As praças de um modo geral tem local para a banda, mas normalmente é muito reduzido, algumas das empresas já o sabem e reservam mais 5 ou 6 filas para a banda, perdendo assim alguma da lotação pagante mas melhorando o espectáculo.
Por outro lado, assiste-se também a uma falta de cuidado na iluminação do local da banda em quase todas as praças.
A posição da banda é normalmente de frente ao touril nas últimas filas, o que não está muito correcto, isto porque, muitas vezes ficamos a sul da praça, ora se o vento dominante é norte, perde-se muito do som por estar do lado oposto ao vento, já no Campo Pequeno, à distância que a banda está e nas galerias faz eco e se não fosse o sistema de microfones montado era péssimo...

Por fim, pois.... seja o público estúpido a pedir e a insultar a banda por não tocar... seja também o «inteligente» que manda tocar a banda umas vezes tarde outras sem que a lide o mereça... já nem falo...
Fora as entradas do director e veterinário que deveriam ser momentos solenes nos quais se toca a «Maria da Fonte» hoje não existem, os tipos simplesmente entram quando querem e normalmente atrasados!! É para mim uma enorme falta de respeito!
Finalmente, a escolha dos passo-dobles... cada vez existem mais e melhores novas composições, porque raio é que infelizmente a esmagadora maioria das bandas continua a insistir nos mesmos de sempre!


Topo
 Perfil  
 
MensagemEnviado: sexta ago 20, 2010 11:23 am 
Desligado
Praticante

Registado: quinta ago 12, 2010 11:11 am
Mensagens: 12
Localização: Loulé
Um bom comentário do colega Miguel Duarte, permita-me que o trate assim pois estamos no mesmo barco, as bandas de música.
É bem verdade essa de tocar a introdução do Hino Maria da Fonte. Não consigo mesmo perceber e acho que cada vez faz menos sentido.
Há directores de corrida e respectiva presidência, chamemos-lhe assim, que nem sequer se levantam na introdução do Hino.
Por vezes noto que há muitos aficionados que se levantam nessa altura.
Deveria haver um puco mais de cuidado da parte da direcção da corrida no que toca a mandar tocar a banda.
Quanto a mim a lide até pode estar a correr mal mas perante uma praça cheia e um espectáculo monótono porque não animar um pouco as coisas?
Sei que a música é para premiar o trabalho dos artistas, mas...
Por vezes não mandam tocar e depois da insistência do público a pedir música lá mostram o lencinho levando a que os menos entendidos fiquem de peito cheio a pensar que levaram a melhor sobre a banda pois nem se aperceberam do gesto do director de corrida.
Costumo tocar numa média anual de 25 espectáculos entre corridas de touros e variedades taurinas e tenho visto de tudo um pouco.
Tenho notado desentendimento entre matadores de touros e directores de corrida na hora da morte (simulada) do touro.
Será o director quem manda calar a banda?
Será o matador que dá sinal à banda?
Ou será o maestro que apercebendo-se do final da lide o deverá fazer?
O que acha disto o Miguel Duarte?
José Lúcio Branco


Topo
 Perfil  
 
MensagemEnviado: sexta ago 20, 2010 3:47 pm 
Desligado
Aficionado

Registado: quinta dez 03, 2009 7:51 pm
Mensagens: 6
Quem manda calar ou tocar a banda é sempre a direcção de corrida.
Infelizmente também já vi que o director nem sempre manda calar na altura da estocada.

Por outro lado, também é tristemente visível o desrespeito de alguns cavaleiros pela banda.
Sendo os passo-dobles compostos normalmente por pelo menos 4 frases (introdução - solo de trompete - canto grave - forte da banda). Nunca têm em atenção que estão a sair a meio de uma frase... que normalmente dura menos de 1 minuto... já os vi a sair a meio do solo de trompete ou então nos primeiros «acordes» de entrada. Até hoje no nosso caso só o António Ribeiro Teles é que o vi esperar para terminar o "Espanha Cani" basicamente a meio da porta de saída... atitude bem louvável...
Também é demasiado raro que um ferro ou uma pega seja dedicada à banda.. até hoje só vi três... uma de um forcado das Caldas numa corrida televisionada que a dedicou "à banda da minha terra", outra do Marco José e uma dos forcados da Moita quando a banda tocou para eles pela primeira vez em praça os "Forcados do Sul". Infelizmente para muitos esquecem-se que até somos parte do espectáculo.

Mas pronto, não falo mais que daqui a 4 horas estarei a tocar na praça das Caldas para uma alternativa. Espero tudo de bom a este novo profissional.


Topo
 Perfil  
 
Mostrar mensagens anteriores:  Ordenar por  
Criar Novo Tópico Responder a este Tópico  [ 4 mensagens ] 

Os Horários são TMG


Quem está ligado:

Utilizador a ver este Fórum: Nenhum utilizador registado e 1 visitante


Criar Tópicos: Proibido
Responder Tópicos: Proibido
Editar Mensagens: Proibido
Apagar Mensagens: Proibido
Enviar anexos: Proibido

Pesquisar por:
Ir para:  
cron
Toureio Sol e Sombra Touro Bravo Cavalonet
Grupo Tauromáquico Sector 1 Taurodromo Touro e Ouro Naturales Tauromaquia
Desenvolvido por phpBB® Forum Software © phpBB Group
Traduzido por phpBB Portugal